Melhor lixadeira orbital ou roto-orbital: vantagens e desvantagens

Você provavelmente já se perguntou qual a melhor lixadeira orbital, não é? Afinal, na hora de escolher o equipamento, sempre temos dúvidas sobre qual é a lixadeira ideal para os nossos trabalhos.

No mercado atual, as mais pedidas são as lixadeiras orbitais e as roto orbitais. Mas você sabe qual é a diferença entre elas? É claro que cada modelo tem uma finalidade de uso diferente, mas entendê-las é essencial para comprar com segurança e assertividade.

Por isso, hoje, nós da Dutra Máquinas vamos analisar quais as diferenças e aplicações de cada modelo para te ajudar a escolher a melhor lixadeira! Confira:

Lixadeira Orbital

As lixadeiras orbitais são popularmente conhecidas como “quadrada” ou “treme-treme”, isso por causa da base onde é fixada a lixa e o movimento que fazem. O seu funcionamento é bem vantajoso e prático – elas trabalham por meio de oscilações, fazendo com que a lixa vibre. 

As vantagens dessa ferramenta são: 

  • custo baixo, pois usam lixas comuns (desde folha de lixa, 1/4), abrasivos baratos;
  • excelente acabamento;
  • são portáteis, pequenas e leves;
  • produzem pouco pó;
  • simplicidade de uso (muito fácil de utilizar mesmo).

Essa ferramenta também possui algumas desvantagens, como:

  • não faz pré-acabamentos;
  • baixo rendimento, pois a lixa rasga com facilidade;
  • não faz polimento e não lixa todos os tipos de materiais.

A lixadeira orbital é muito conveniente para realizar trabalhos quase que exclusivamente em madeiras compensadas e MDF, pois ela não possui muito “desbaste” e, nesses materiais, são utilizadas lixas finas.

Assim, se você busca uma máquina para garantir leves acabamentos e aquele lixamento suave nos projetos de marcenaria, as orbitais vão atender às suas expectativas e necessidades tranquilamente!

Um modelo que é sucesso no mercado é a orbital QS800 da Black & Decker, que garante mais possibilidades de uso, confira mais detalhes no vídeo a seguir:

Lixadeira Roto-Orbital

As lixadeiras roto-orbitais possuem dois movimentos distintos: o disco gira e, ao mesmo tempo, faz movimentos oscilantes, daí a sua eficiência maior. O disco dela é preso com velcros e alguns modelos possuem controle de velocidade.

As suas vantagens são:

  • alta capacidade de produção;
  • faz pequenos desbastes;
  • acabamento perfeito;
  • aspiração de pó eficiente;
  • controle de velocidade (em alguns modelos);
  • versatilidade de usos – faz polimentos (apenas os modelos que possuem controle de velocidade).

Você pode trabalhar com essa lixadeira em todos os tipos de materiais: mdf, madeira compensada, pintura, aço, pintura automotiva e outros, especialmente nos casos dos modelos que possuem controle de velocidade, pois ela pode ir desde ao desbaste até um polimento.

Mas, apesar de ser a preferida de quem é perfeccionista, esse modelo de lixadeira também tem seus pontos fracos:

  • custo elevado;
  • lixas específicas para encaixe a velcro – mais difíceis de encontrar.

Como escolher a melhor lixadeira? Dicas Dutra Máquinas

Deu para ver que cada um dos modelos de lixadeiras pode ser muito vantajoso desde que estejam de acordo com a sua necessidade, certo? Então, confira nossas dicas para saber escolher a melhor opção para você:

Confira as opções disponíveis no mercado

Antes de comprar uma lixadeira só porque ela parece ser a melhor ou porque um vendedor te indicou, vale a pena conferir as opções das principais marcas. Dessa forma, você consegue comparar tecnologias e preços de modelos muito semelhantes.

Mas lembre que o vendedor, no geral, é um especialista no assunto, assim, vai saber te ajudar a entender o modelo mais vantajoso para o seu projeto.

Analise a potência

A potência do equipamento é um ponto-chave para entender qual a melhor opção para você. Ela diz muito sobre as possibilidades de uso da lixadeira e, até mesmo, dos resultados que se pode obter com ela.

Opções completas e práticas

Seja orbital ou rota-orbital, faz muita diferença contar com uma lixadeira com coletor de pó. Esse item garante a prevenção do acúmulo de poeira durante o desenvolvimento do seu projeto e até depois – diminuindo a bagunça.

Atente-se ao tamanho

É importante conferir, também, se o tamanho da lixa é suficiente para as suas necessidades. Lembre-se de conferir também, o diâmetro de oscilação que a lixadeira oferece.

Assistência facilitada

Conferir se existe uma rede autorizada próxima a você é essencial para eventuais necessidades de reparo ou consertos do aparelho. Então, lembre-se de comprar uma lixadeira cuja assistência técnica esteja próxima à sua casa ou cidade.

Agora, você já conhece as diferenças entre as lixadeiras orbitais e roto-orbitais, assim como as vantagens de cada modelo. Além disso, recebeu dicas valiosas e simples para levar em conta na hora de escolher o equipamento perfeito para você.

Então, conte para nós qual é você acha melhor: a lixadeira orbital ou a roto-orbital? Queremos saber a sua opinião aqui nos comentários!

Fique por dentro de tudo sobre o mundo dos equipamentos acompanhando as novidades do nosso blog! Até a próxima!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *