Veja qual a melhor serra circular de bancada para madeira

Seja você um especialista em máquinas ou alguém que se envolva na área por hobbie, já deve ter ouvido falar das serras circulares de bancada. Elas são usadas para realizar cortes em madeiras e demais materiais. Consegue polir o material, dependendo do disco utilizado.

Por esses e outros motivos você precisa escolher a serra que te ajude no seu serviço, assim, cada material cortado terá qualidade, precisão e você conseguirá entregar todas as produções com mais facilidade. Não só a marca do produto importa, mas o resultado que ele vai te entregar deve ser a maior motivação. 

Confira algumas das melhores marcas de serra circular de bancada

São várias as características necessárias para uma serra circular de bancada desempenhar um bom funcionamento. Você precisa saber a potência, tipos de cortes realizados por ela, quantidade de watts, peças do sistema, entre outras.

  • Bosch 

A Bosch já faz parte das oficinas há mais de 100 anos, e aqui no Brasil já nos proporciona excelentes máquinas desde 1954. Seus equipamentos são precisos, e a serra circular de bancada demonstra alta potência. Alguns dos modelos mais conhecidos dessa marca são a Bosch GTS 10J e a Bosch GTS 254. 

Elas são muito conhecidas pelo grande desempenho em cortes precisos, capazes de fazer grandes cortes em chapas de madeira e mdf. As capacidades de motor de ambas são excelentes, por isso a grande funcionalidade. 

  • DeWalt

A DW organiza suas máquinas desde 1924, sendo uma das pioneiras a criar a máquina de carpintaria, através de uma grande potencialidade, suas serras circulares de bancada conseguem dar conta do trabalho e ainda tem modelos diferentes para várias utilidades

O desempenho de cada equipamento dessa marca só cresce, por isso até hoje é uma das mais vendidas. Um modelo excelente é o DCS7485B, que além de ser muito potente, tem uma bateria de 60V.

  • Stanley

Desde 2010, quando houve a união entre a Black & Decker e Stanley Works, a Stanley entrega produtos próprios para oficinas e serviços mais robustos que não dispensam detalhes, até porque precisa ter tudo muito bem planejado, principalmente se falamos de corte de madeira. 

As serras circulares de bancada da Stanley são formadas com leituras inteligentes, modo de inclinação impecável e um dos modelos mais comuns dela é o SST1801, o qual possui uma potência única de 1800W. Além disso, ele possui outras especificações que você precisa conhecer mais a fundo, vale a pena!

Principais considerações de compra

As serras circulares de bancada são uma das mais escolhidas para realizar serviços de cortes de madeira, e são excelentes para obter cortes precisos e rápidos. Além disso, seu peso leve e portabilidade os tornam uma ferramenta elétrica conveniente e definitiva. Antes de escolher, é preciso conhecer algumas considerações essenciais que fazem toda a diferença na performance da máquina. 

São muitas variações que definem a qualidade de uma Serra Circular de Bancada, elas variam entre preço, características específicas como: potência, profundidade de corte, capacidade, coleta de pó, entre outras que serão listadas aqui: 

Potência do Motor

Resumindo, quanto mais potência um motor de serra de mesa tem, mais poder de corte ele oferece. Pequenas serras de bancada normalmente apresentam potência na faixa de até 1500W. Já as serras de bancada maiores apresentam motores entre 1500W e 2000W. Quanto maior a potência, maior será o funcionamento e a qualidade do corte.

Por exemplo, uma serra com potência de 1800W conseguirá realizar um serviço de corte por muito mais tempo e seu desempenho é excelente no corte de materiais mais robustos que precisam de um esforço a mais, nisso a potência até 2000W dá conta, sem dúvidas. 

Profundidade de corte

As serras de mesa são diferentes e uma característica que varia muito é o ângulo, pois os cortes possuem profundidades que não são semelhantes. Fique atento ao tamanho do ângulo de corte, pois ele vai definir o resultado de seu corte. 

O ângulo das serras circulares de bancada variam entre 90° até 45°, por isso é essencial analisar qual é a espessura do material que será cortado, assim será mais fácil ajustar o ângulo e a probabilidade de erros será menor.

Dimensão da mesa

As mesas precisam ter uma dimensão adequada para cada tipo de material, uma vez que você precisa adequá-la e caso as dimensões sejam diferentes do tamanho do material, o corte pode acontecer de forma inadequada. 

Suporte 

O suporte de uma serra circular de bancada é imprescindível, pois ele que vai dar a sustentação ao que vai ser cortado. Verifique se possui ajustes de posicionamento e de corte, assim fica mais fácil na hora de posicionar o material sem perigo de cortá-lo errado.

Além disso existem opções que acompanham uma lupa, capaz de ver de perto o que vai ser ajustado e onde será cortado, com isso o corte fica mais específico e não corre o risco de perder o material causado por um corte inadequado.  

Capacidade de corte

Serras de bancada conseguem cortar os materiais com mais precisão, mas a largura máxima do material que caberá entre a lâmina da serra e a cerca pode variar, essa é uma medida conhecida como capacidade de corte. A capacidade de ripagem começa em torno de 18 polegadas para serras de bancada de nível básico e chega a 60 polegadas ou mais.

Dependendo dos projetos que você planeja realizar, certifique-se de escolher uma serra de mesa com uma capacidade de corte grande o suficiente para acomodar a dimensão do material com o qual você trabalhará.

Coleta de Pó Opcional

Se a serra for usada ao ar livre, a poeira pode não ser um problema, mas em uma oficina fechada, a coleta de poeira ajudará a manter o ar livre e também coletará lascas de serragem que, de qualquer forma, precisariam ser recolhidas posteriormente.

Muitas serras de mesa apresentam portas de coleta de pó projetadas para se conectar a uma mangueira de vácuo padrão; você precisará ligar o aspirador enquanto opera a serra para coletar poeira e serragem.

Viu só quantas características são importantes para entregar os melhores resultados? Pois é ,então antes de investir em uma serra circular de bancada fique ciente das especificações e, claro, saiba quais são suas necessidades.

Esperamos ter ajudado em sua jornada em busca do produto ideal. Nos vemos no próximo post! 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *