Inversora ou transformador de solda?

Inversora ou transformador de solda? Entenda a diferença!

Você sabe qual a diferença entre uma inversora de solda e um transformador?
Hoje vamos conversar com o Bruno, Gerente comercial da Boxer e ele vai explicar as principais diferenças entre esses dois equipamentos.

Como somos uma loja de máquinas e ferramentas, há muitos clientes que nos questionam sobre qual a diferença entre essas duas máquinas no momento na compra. Então confira o que perguntamos para o Bruno e o vídeo que fizemos:

1. Qual a principal diferença entre a inversora e o transformador de solda?

  • Peso e tamanho
    A principal diferença entre elas é o peso e tamanho. É mais fácil levar uma inversora para o canteiro de obra ou para fazer manutenções externas do que um transformador. O transformador pesa + 17 kg e uma máquina como a Flama 141BV pesa apenas 4,5 kg, então é bem mais fácil trabalhar com uma inversora.
    A segunda diferença é em relação a facilidade de soldar com uma inversora em relação ao transformador. Para aqueles que já trabalharam com um transformador, já sentiram a dificuldade de abrir o arco; o eletrodo geralmente gruda na peça de metal base, já com a inversora isso não acontece. A linha de inversoras da Boxer conta com algumas funções inteligentes, então a máquina eletronicamente está lendo o que vai acontecer ali na solda. No momento que você encosta o eletrodo na peça para abrir o arco a máquina entende isso e te manda uma força extra, essa força extra serve para facilitar a abertura do arco e evitar que o eletrodo grude na peça.
  • Consumo de energia
    Em relação ao consumo de energia, com as máquinas da Boxer você pode trabalhar com extensões de até 30 metros sem ter que aumentar a bitola do fio da extensão, no caso da Flama 141BV é utiliza-se a bitola de 2,5 mm na entrada. No transformador isso não acontece, você pode utilizar no máximo extensões de 8 a 10 metros, acima disso você precisa aumentar bastante a bitola, o que torna a extensão cara. Além disso, muitos locais não estão preparados para ligação de um transformador pelo fato de consumir bastante. A inversora normalmente já vem com tomadas residenciais do padrão brasileiro, então basta você ligar numa tomada 110V ou 220V que a máquina já vai funcionar.
  • Tecnologia

    Temos também a diferença de tecnologia de um transformador para uma inversora, o transformador não tem nenhuma tecnologia. Dentro da máquina temos apenas um transformador normal que temos em casa para ligar equipamentos 110V na energia 220V, porém adaptado para solda.
    A inversora é praticamente o computador da solda, ela é composto por uma placa eletrônica no qual possibilita que a tecnologia aplicada na inversora seja melhor.

  • Eletrodos

    Tem a diferença dos eletrodos, com o transformador a gente só consegue soldar o eletrodo 6013, que é aquele eletrodo pau para toda obra e com os inversores da Boxer é possível soldar qualquer tipo de eletrodo, tais como: 6013, 7018, ferro fundido, inox e até eletrodo de alumínio. (Temos um vídeo apenas sobre eletrodos).

2. Por que o consumidor precisa utilizar uma inversora de solda ao invés do transformador?
R: Você vai optar por usar uma inversora simplesmente por que ela é muito mais fácil para levar contigo. Como eu disse anteriormente, você pode utilizar extensões longas além, de conseguir ligar em qualquer tomada. Pode carregar ela em um porta malas pequeno ou até no bagageiro de uma moto. E é muito simples para você serralheiro por exemplo, levar a inversora e fazer manutenções em serviços externos.

3. Qual a aplicação do transformador de solda?
R: Em geral a aplicação de um transformador de solda está mais ligado ao uso hobby, aquele uso caseiro, mas a Boxer também tem máquinas de 250 e 300 amperes, no qual são utilizadas por serralheiros, estruturistas, dentre outros.
Lembrando, que os transformadores da Boxer são bivolt, mas não é possível ligar eles no 110V e 220V automaticamente, então é necessário unir os fios de acordo com as instruções atrás da máquina.

4. Qual é indicada para uso profissional?
R: Para uso profissional, indicamos as inversoras de solda. Por que?
As inversoras de solda da Boxer possuem o selo de solda, SEM PARAR então cada modelo tem a sua respectiva bitola de eletrodo, que ela aguenta soldar sem precisar descansar. No caso da 141BV ela solda eletrodos de 2,5 mm de SEM PARAR, a 161BV solda eletrodos de 3,25 mm e a 201BV e 221BV soldam eletrodos de 4 mm sem necessidade de descanso, são máquinas bem industriais.
Outra questão interessante é que as inversoras da Boxer soldam TIG; Elas não acompanham a tocha TIG no qual é um acessório opcional, que precisa ser comprado a parte, mas elas estão preparadas para soldar solda TIG, que é uma solda profissional, justamente para o uso industrial.

Bem pessoal, esperamos ter ajudado vocês e abaixo está o vídeo sobre o tema e ao final do vídeo soldamos com a FLAMA 141BV.

Assistam o vídeo! Ficou bem bacana! 🙂

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *